Quais são os sinais de um perfil falso nas redes sociais?


A quantidade de perfis falsos na internet, ainda que seja uma prática que vai contra as regras das redes sociais, é algo que assola diversas plataformas populares.

Pensando nisso, confira abaixo algumas dicas que podem te ajudar a identificar uma conta fake, seja no Instagram, Facebook, Twitter, TikTok e até no WhatsApp – o último é um dos preferidos dos golpistas para fazer novas vítimas.

De início, tenha em mente que perfis falsos costumam ser criados para diferentes fins, os principais são: para tentar aplicar golpes, espalhar as famosas ‘fake news’ e até compartilhar conteúdos que são normalmente proibidos pelas plataformas.

Sem contar com publicações que fazem de tudo para ganhar o seu clique, com títulos atrativos ou promessas que no fim também buscam tirar o seu dinheiro.

Está desconfiado da autenticidade de um perfil? Joga no Google

Uma forma de tentar identificar se uma conta é de fato daquela pessoa ou empresa, digite ou cole o nome do perfil no Google. Dessa forma, a pesquisa retornará se existem mais contas parecidas e até perfis que usam o mesmo nome em outras redes sociais.

Se a conta em questão for de um conhecido, incremente a pesquisa com outros dados, como idade, parte do endereço e até a cidade onde a pessoa reside.

gora, se um perfil não conta com nome e imagem, o que normalmente já ajuda a identificar o dono da conta, desconfie. Muitas vezes um perfil fake já é identificado de cara dessa forma.

Se a ideia é atestar a veracidade do perfil de uma empresa ou de uma pessoa conhecida, o selo de verificação, aquele símbolo que fica logo ao lado do nome do perfil, é talvez o melhor indício que se trata de uma conta autêntica.


Do contrário, pode se tratar de alguém tentando se passar por uma celebridade, por exemplo, o que também costuma ocorrer com frequência na internet.


Perfil sem foto é sinal de alerta

Como mencionamos antes, um perfil sem foto ou no caso do Instagram, por exemplo, sem postagens que identifiquem o possível dono da conta, é um indício que pode se tratar de uma conta fake.

Caso a conta tenha pelo menos uma foto, outro recurso que funciona é utilizar o motor de pesquisa do Google para fazer uma pesquisa por imagens similares.

O processo é bem simples e pode ser feito pelo navegador. No Chrome, clique com o botão direito do mouse sobre a imagem e depois acesse a opção ‘Pesquise imagem com o lens’.

A ferramenta mostra em uma barra na lateral à direita várias páginas onde a mesma imagem (ou fotos parecidas) já foram utilizadas.

Conta sem postagens ou com publicações parecidas

Se a falta de informações é um sinal de perfil falso, o excesso de postagens, principalmente muito parecidas, também é um sinal que não deve ser ignorado.

Como exemplificamos antes, uma conta no Instagram sem fotos, uma plataforma que surgiu justamente para o compartilhamento de imagens, não faz muito sentido.


Mais dicas

No fim, dependendo da rede social, alguns indícios de perfil falso são mais específicos. No Facebook, por exemplo, contas fake costumam se aproveitar do algoritmo da plataforma e de postagens automatizadas para atrair seguidores.

Em perfis falsos, até a interação com os contatos costuma ser mais genérica que o normal, com as mesmas pessoas comentando e sempre usando as mesmas frases.

Uma regra que vale para todas as redes sociais é ficar atento ainda para contas com poucos seguidores, sem publicações e que seguem milhares de pessoas.

No Twitter, por exemplo, é comum que algumas contas usem bots. A rede social inclusive usa um ícone de robô para identificar esses perfis com postagens automáticas. Nesse caso, fica mais fácil diferenciar uma conta fake de uma que usa bot.

Já no TikTok, a onda do momento é utilizar o ‘deepfake’, que são vídeos que usam inteligência artificial para criar conteúdo falso, geralmente com cunho de humor. Uma dica para identificar conteúdo que se aproveita do recurso é prestar atenção nas expressões faciais, que costumam entregar que o conteúdo não é real.

Ainda assim, especialistas alertam que essa tecnologia pode ser usada até para aplicar fraudes ou se passar por outra pessoa, já que, à medida que evolui, está ficando cada vez mais real.

Por fim, no WhatsApp, é importante ter atenção ao ser contactado por contatos sem foto e que enviam links suspeitos. Um dos golpes mais recentes são as ofertas de empregos falsas, que são disparadas para milhares de números cadastrados no aplicativo de mensagens.

#fake #perfil #redessociais #perfilfalso #alerta #segurançadigital

5 visualizações0 comentário