Os golpes mais comuns do Facebook e como se prevenir


Como se proteger de Golpes no Facebook?
confira as dicas de como proteger adequadamente sua conta no Facebook, conhecendo os principais golpes e sabendo como evitá-los.

O Facebook pode ser maravilhoso, cheio de oportunidades, um lugar aonde você pode compartilhar os momentos especiais em sua vida e se reconectar com velhos amigos. Embora o Facebook seja um lugar ideal para compartilhar, curtir e comentar, também é um dos lugares mais usados por golpistas na Internet. Infelizmente, enquanto você está compartilhando sua vida com amigos e familiares, você pode estar involuntariamente compartilhando informações privadas com aqueles que desejam prejudicá-lo.

O lado bom é que há maneiras de se proteger contra esses golpes nefastos, e às vezes bastante críveis. Cada vez mais golpes estão sendo expostos todos os dias, e cada novo golpe é mais inteligente e menos detectável do que o anterior.

Como regra geral, lembre-se de fazer sua própria pesquisa, nunca clique em links suspeitos e desconfies se outros sites solicitarem suas informações do Facebook, como e-mail e senha. Você pode se proteger dos novos golpes do Facebook e ficar atento contra essas táticas comuns. REDES SOCIAISPrivacidade: saiba como excluir sua conta no WhatsApp e Facebook Trabalhar em casa Como a pandemia, muitas pessoas estão considerando o home-office, ainda mais com o crescente desemprego, e os golpistas espertos aproveitam isso para dar golpes. Uma maneira que eles tentam influenciá-lo é oferecendo ofertas e salários muito bons para ser verdade, que permitiriam aos usuários ganhar uma quantia inacreditável de dinheiro em casa. Ao clicar, muitas vezes o usuário acaba concedendo dados vitais. Em outras palavras, o golpe assume o papel de um esquema semelhante a uma pirâmide, no qual o usuário tem que primeiro enviar dinheiro ou comprar produtos para alcançar suas "fortunas". Antes de qualquer coisa, faça uma pesquisa sobre a empresa e não clique e nem compre nada antes de se certificar. Veja quem viu seu perfil Este golpe é uma forma de "clickjacking", atraindo você para clicar em um link prometendo algum tipo de incentivo desejável, e em vez disso levando a uma pesquisa online que ganhará uma comissão para o golpista. Às vezes, a pesquisa até coleta informações pessoais sobre você, com as quais o golpista pode usar ou vender como achar melhor. Tenha em mente que o Facebook não rastreia quem viu o seu perfil, nem compartilharia com o público se o fizesse. Notícias falsas de celebridades Notícias sensacionalistas, como morte de celebridades, geralmente acompanhadas de uma imagem ou foto que aparentemente prova a notícia, não são incomuns. Fake News sobre celebridades são uma maneira de obter cliques, mas também são um método garantido para arriscar uma tentativa de phishing ou acabar fazendo um download de malware em seu dispositivo.

E-mail falso do Facebook Uma maneira que os golpistas enganam os usuários do Facebook é imitando o modelo de e-mail do Facebook, o que faz parecer que você tem uma mensagem oficial. Depois de clicar no e-mail para o Facebook e inserir informações de login, os phishers podem duplicar sua conta, mantê-la para resgate ou começar a pedir dinheiro ou informações aos seus amigos.

Sua conta do Facebook foi cancelada Este golpe envolve "phishing", uma modalidade que tenta fazer com que você responda a e-mails que alegam ser de pessoas ou empresas reais, roubando seus dados pessoais, como senhas e números de cartão de crédito. Neste caso, o e-mail se diz ser do Facebook, avisando que sua conta do Facebook está prestes a ser cancelada (em alguns casos, o e-mail pode pedir que você confirme sua conta do Facebook.) A chave é a solicitação do golpista de que você envie seu nome de usuário e senha do Facebook de volta em resposta, e um golpista pode entrar em seu perfil do Facebook e roubar informações confidenciais.

Para evitar esse golpe em particular, nunca confie que recebeu um e-mail oficial do Facebook - a empresa lhe mostrará mensagens sobre o seu perfil diretamente no site.

Como proteger seus dados no Facebook Aqui está uma lista de medidas preventivas que você pode tomar para se proteger de não se tornar uma vítima de roubo ou fraude de identidade no Facebook.

  • Use senhas mais inteligentes: Para impedir as tentativas de fraude do Facebook, certifique-se de usar uma senha difícil de advinhar e use uma senha diferente para cada uma de suas contas em sites e redes sociais. Sua senha do Facebook deve ter pelo menos oito caracteres, sem menção a informações pessoais ou nomes, e incluir letras, números e caracteres especiais.


  • Não clique em sites, e-mails e links duvidosos: Evite clicar em qualquer link de fonte desconhecida. O fato é que e-mails, textos e páginas da web podem imitar o Facebook. Lembre-se, o Facebook não enviará um e-mail pedindo que você clique em um link e insira seus dados pessoais - eles já têm armazenados no site.


  • Autenticação em dois fatores. Os usuários de redes sociais devem sempre adicionar uma camada de proteção na forma de autenticação de dois fatores, que é oferecida em todos as principais redes sociais, incluindo o Facebook. Por definição, a autenticação de dois fatores oferece proteção extra, garantindo que somente você possa acessar sua conta, mesmo que outro indivíduo advinhe sua senha.


  • Não adicione quem você não conhece. Normalmente, os fraudadores de dados pedirão para ser seu amigo no Facebook - é a primeira e mais comum maneira que um ladrão de dados entrará em contato com você. Se isso ocorrer, rejeite o pedido - é provável que seja o passo inicial para um fraudador roubar seus dados pessoais.


  • Cuidado com o que posta. Quando você postar informações no Facebook, faça-o com cuidado. Nunca compartilhe dados pessoais como seu endereço residencial, número de telefone ou qualquer dado financeiro pessoal, não importa o quão pequeno ele possa parecer ser. Os golpistas experientes podem pegar até mesmo seu endereço residencial, seu endereço de e-mail ou seu número de telefone, e através de truques da negociação, usar esses dados para chegar à sua conta bancária, número de cartão de crédito ou até mesmo sua conta PayPal.


  • Fique de olho na política de privacidade. A maioria dos usuários do Facebook nunca lê as políticas de privacidade da empresa, e isso é um erro. As políticas de privacidade do Facebook permitem que você proteja melhor seus dados pessoais, personalizando as configurações da sua conta com o máximo efeito, além de permitir que você controle quem vê suas postagens. Veja como gerenciar suas configurações de privacidade do Facebook. Faça login no Facebook e clique em "Configurações de privacidade". Uma vez feito isso, você pode gerenciar melhor o seu perfil de acesso para controlar quem visualiza seus posts e quem não pode.

#golpesnofacebook #cuidadosnofacebook

13 visualizações0 comentário